Palmeiras não aceita adiar o jogo de domingo contra o Flamengo

Palmeiras não aceita adiar o jogo de domingo contra o Flamengo

Mesmo com um surto que contaminou quase metade da delegação do Flamengo que esteve nos dois jogos fora do Brasil, na Libertadores, o Palmeiras não quer que se mude a data do clássico brasileiro contra o rival.

O Palmeiras mantém-se irredutível em sua posição de que o jogo aconteça no próximo domingo, mesmo com a pandemia que assolou o Mengo. A princípio, a própria CBF se mostrou irredutível em relação a mudança de data da partida. Com um campeonato com poucas datas e acabando em janeiro de 2021, um adiamento poderia resultar de mais atrasos no campeonato. Também, segundo o secretário Feldmann, da entidade, os protocolos da CBF são robustos, descaracterizando o argumento do Flamengo, que avalia que novos jogadores podem apresentar tardiamente a doença e contaminar jogadores do rival.

Por fim o secretário ainda revelou que o Flamengo tem 40 jogadores inscritos e que teria time para jogar no domingo.

Maurício Galiotte, presidente do Palmeiras, ao lado de Anderson Barros, diretor de futebol — Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras

Maurício Galiotte, presidente do Palmeiras, ao lado de Anderson Barros, diretor de futebol — Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras

A diretoria do Palmeiras também usa o argumento de que o jogo do Flamengo contra o Independiente Del Valle, do Equador, na próxima semana, está mantido pela Conmebol. Assim, um adiamento no Brasileirão, indo contra o próprio protocolo estabelecido pela CBF, seria ruim para a imagem da entidade.

O Flamengo ganhou do Barcelona, em Guayaquil, no Equador, por 2 a 1, na terça-feira. Vários jogadores já haviam ficado fora por estarem com Covid-19. Após a partida, outros também testaram positivo. Em toda a delegação do clube carioca, já são 27 casos confirmados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *